Contos de TerraMar

terramar

Contos de TerraMar

Um desenho animado japonês com tintas fantásticas? Me lembrei logo do genial A Viagem de Chihiro, ganhador do Oscar de melhor desenho animado de 2003, que vi no mesmo Festival, uns 5 anos antes. Ainda mais sabendo que o diretor Goro Miyazaki é filho de Hayao Miyazaki, diretor de Chihiro

A aventura é baseada na série de romances de Ursula K. Le Guin e inspirada em Shuna’s Journey, história em quadrinhos de Miyazaki pai. Nela, algo está afetando o equilíbrio das coisas. Ao mesmo tempo, o príncipe Arren está em conflito com uma sombra que o persegue. Sua chance de melhora chega com o arquimago Sparrowhawk, que passa a protegê-lo. Os dois seguem viagem juntos e por onde passam encontram sinais de que algo vai mal no mundo. O responsável não tarda a surgir – é Cob, um feiticeiro maligno (que em momento algum parece feiticeiro, e sim feiticeira!).

A animaçãao não é lá grandes coisas, principalmente em tempos de guerra entre Disney, Pixar e Dreamworks. Nada muito comprometedor, mas fica alguns degraus abaixo. Pra compensar, temos cenarios muito bonitos de pano de fundo.

O desenho não consegue se decidir entre ação, drama e fantasia. Em alguns momentos a historia é bem arrastada – são quase duas horas de projeção! Mesmo assim, não chega a ser chato. Pode ser uma boa opção se passar no circuito.

Nunca li um mangá, tampouco sou fã de animes. Talvez por isso este desenho não tenha me empolgado muito. Principalmente se comparado com o trabalho do Miyasaki pai…

Anúncios

Marcado:, , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: