Top 10: Os Favoritos do Heu!

Top 10: os favoritos do Heu!

Já tenho 43 Top 10 aqui no blog, mas nunca fiz aquele que deveria ter sido o primeiro de todos: os meus favoritos!

Aí, semana passada, comecei a fazer o curso “O Cinema e a Arte da Crítica“, ministrado pelo meu amigo Marcelo Janot, crítico, dj e tricolor. Na primeira aula, o Janot pediu pra que cada um fizesse uma lista dos seus 10 filmes favoritos. Claro que pensei em transformar o “dever de casa” num Top 10, mas… caramba, nunca tive um Top 10 tão difícil!

Em primeiro lugar, criei uma regra: não repetir diretor. Se fosse repetir, a lista ia passar de 100 títulos. Porque, passando os olhos pela minha coleção de dvds, já listei quase 50 – sem repetir diretor…

Aí vem a parte difícil. Escolher dentre tantos os que seriam os 10 mais. Quase abri uma excessão e fiz um Top 40. Mas, não! Aceitei o desafio, e criei o Top 10!

Mas, admito que estes outros trinta filmes poderiam ter entrado no Top 10, sem ordem de preferência: O Vingador do Futuro (Paul Verhoeven), Evil Dead (Sam Raimi), Os Irmãos Cara de Pau (John Landis), Boogie Nights (Paul Thomas Anderson), O Balconista (Kevin Smith), Era uma vez na América (Sergio Leone), Short Cuts (Robert Altman), Dublê de Corpo (Brian De Palma), O Enigma de Outro Mundo (John Carpenter), Coração Satânico (Alan Parker), O Quinto Elemento (Luc Besson), Labirinto do Fauno (Guillermo Del Toro), O Senhor dos Aneis (Peter Jackson), Laranja Mecânica (Stanley Kubrick), Curtindo a Vida Adoidado (John Hughes), Gremlins (Joe Dante), O Jovem Frankenstein (Mel Brooks), Top Secret (Zucker – Abrahams – Zucker), Clube da Luta (David Fincher), Hellraiser (Clive Barker), Watchmen (Zack Snyder), Os Caçadores da Arca Perdida (Steven Spielberg), À Espera de um Milagre (Frank Darabont), Delicatessen (Jean Pierre Jeunet), Apocalipse Now (Francis Ford Coppola), Snatch (Guy Ritchie), Trainspotting (Danny Boyle), Touro Indomável (Martin Scorsese), Monstros S.A. (pra representar a Pixar) e um Monty Python qualquer.

(E ainda tô deixando muita gente boa de fora, como James Cameron, Tim Burton, Roman Polanski, Woody Allen, Álex de la Iglesia, Neil Marshall, Christopher Nolan, Richard Linklater, George Romero, Tony Scott, Bryan Singer, Edward Wright, Rob Zombie… E se for procurar, devo ter esquecido um monte!)

Resumindo: “hoje”, meu Top 10 é o que segue abaixo. Mas amanhã pode mudar, ou pode entrar outro filme de cada diretor citado…

(Acho que quem acompanha este blog vai ver uma certa coerência na minha lista – pelo menos assim espero!)

Um último comentário: quase sempre penso no diretor quando vejo um filme. Por exemplo, Cães de Aluguel está lá na lista, mas, hoje, quando penso em Cães de Aluguel, penso junto em Pulp Fiction, Jackie Brown, Grande Hotel, Kill Bill, À Prova de Morte e Bastardos Inglórios. Mas, curiosamente, com 4 dos 5 primeiros da lista penso só nos filmes, a carreira dos diretores pouco importa…

Ah, sim, a foto acima não tem nada a ver com cinema. Mas gostei dela, e é uma foto recente – foi tirada 10 dias atrás, na minha festa de aniversário de 40 anos!

Em ordem decrescente…

10. A Outra Face (John Woo)

Heu já era fã do John Woo pelos seus filmes chineses, como The Killer e Bala na Cabeça. Nos Estados Unidos, ele virou um dos melhores diretores de filmes de ação da história. A Outra Face é seu melhor filme americano, uma trama absurda cheia de imagens antológicas com tiroteios, explosões e pombas em câmera lenta. Recentemente, Woo voltou a filmar na China, fez o épico A Batalha dos 3 Reinos.

9. O Grande Lebowski (Irmãos Coen)

Acho que Um Homem Sério é o único filme que não gostei dos irmãos Joel e Ethan Coen. Sou fã dos outros 14 filmes que vi deles. E, se é pra escolher um, fico com o genial O Grande Lebowski, com personagens sensacionais sendo interpretados por um elenco inspiradíssimo: Jeff Bridges, John Goodman, Steve Buscemi, Julianne Moore, e ainda tem o John Turturro numa ponta maravilhosa.

8. Brazil – O Filme (Terry Gilliam)

Terry Gilliam já mostrara sua genialidade ao ser um dos integrantes do Monty Python, uma das melhores coisas na história do humor no cinema. E depois se firmou como um excelente diretor, cheio de filmes bons no currículo. Fiquei na dúvida, quase escolhi 12 Macacos, mas preferi este Brazil – O Filme, onde um burocrata vira um inimigo do Estado num mundo retro-futurista.

7. Blade Runner (Ridley Scott)

Se pudesse escolher dois, aqui entrariam Alien e Blade Runner, dois clássicos incontestáveis. Apesar de ser muito fã da franquia Alien, fiquei com Blade Runner, apesar de ter uma história pessoal curiosa com o filme (não gostei da primeira vez que vi no cinema, ainda nos anos 80). Direção de arte impecável e trilha sonora excepcional em uma das melhores ficções científicas da história.

6. Um Drink No Inferno (Robert Rodriguez)

Todo mundo que acompanha o blog sabe que sou fã do Robert Rodriguez, tanto pelos seus filmes infantis (A Pedra Mágica, Shark Boy & Lava Girl) quanto pelos seus filmes “adultos” (Sin City, Planeta Terror, Machete). E o melhor, na minha humilde opinião, é este Um Drink No Inferno, com roteiro de um tal de Quentin Tarantino. Talvez seja a melhor “reviravolta de roteiro” da história – o filme começa num estilo e termina noutro completamente diferente.

5. Quase Famosos (Cameron Crowe)

O filme definitivo para quem gosta de rock’n’roll dos anos 70. Um adolescente se passa por repórter da Rolling Stone e passa a acompanhar uma banda na estrada. Trilha sonora excelente, tanto na escolha de músicas da época quanto nas músicas da banda fictícia Stillwater (os atores ensaiaram por seis semanas, como se a banda fosse real) – como poucas vezes na história de Hollywood, a banda parece realmente uma banda na tela.

https://blogdoheu.wordpress.com/2009/03/25/quase-famosos/

4. A Fera do Rock (Jim McBride)

A cinebiografia do pianista de rock’n’roll Jerry Lee Lewis, interpretado por um Dennis Quaid perfeito, careteiro e exagerado como o pianista, e que estudou piano para aparecer tocando no filme. Mais: é um dos principais motivos por heu tocar piano! Depois de ver A Fera do Rock, na época do lançamento, intensifiquei meu estudo de piano – pena que nunca consegui chegar aos pés do que o Jerry Lee Lewis tocava…

3. A Pequena Loja dos Horrores (Frank Oz)

Falo da refilmagem de 1986, não do original de Roger Corman, da década de 60, sobre uma planta carnívora que veio do espaço. A história é boa, o elenco está sensacional, a direção de arte é fenomenal, e a planta carnívora cresce, se movimenta, pula, fala e canta, numa época sem efeitos computadorizados – com movimentos labiais perfeitos! De quebra, uma das melhores trilhas sonoras da história.

https://blogdoheu.wordpress.com/2009/02/01/a-pequena-loja-dos-horrores/

2. Cães de Aluguel (Quentin Tarantino)

Admito que sou muito fã do Tarantino, gosto de todos os seus filmes (menos À Prova de Morte, que tem seus pontos altos, mas o resultado final é fraco). E, se é pra escolher um, fico com a crueza seu primeiro, Cães de Aluguel. Diálogos geniais, elenco bem escolhido e muito, muito sangue nesta obra prima do cinema violento. Pulp Fiction também poderia estar aqui na lista…

1. Guerra nas Estrelas (George Lucas)

Falo da primeira trilogia, a trilogia clássica – Guerra nas Estrelas (o início de tudo), O Império Contra-Ataca (o melhor, segundo critérios técnicos) e O Retorno do Jedi (o meu favorito, pela época que vi). Uma saga intergalática e atemporal que mudou a história do cinema. A trilogia nova tem seus bons momentos, mas não chega aos pés. May the Force be with you – always!

.

p.s.: dos 40 filmes citados nesta lista, 18 não têm críticas ainda aqui no blog… Providenciarei!

.

.

Se você gostou do Top 10: Os Favoritos do Heu!, o Blog do Heu recomenda os outros Top 10 já publicados aqui:
filmes de zumbi
filmes com nomes esquisitos

filmes sem sentido
personagens nerds
estilos dos anos 80
melhores vômitos
melhores cenas depois dos créditos
melhores finais surpreendentes
melhores cenas de massacre
filmes dos ano 80 e 90 nunca lançados em dvd no Brasil
estilos de filmes ruins
casais que não convencem
musicais para quem não curte musicais
melhores frases de filmes
melhores momentos de Lost
maiores mistérios de Lost
piores sequencias
melhores filmes de rock
melhores filmes de sonhos
melhores filmes com baratas
filmes com elencos legais
melhores ruivas
melhores filmes baseados em HP Lovecraft
filmes que vi em festivais e mais ninguém ouviu falar
Atores Parecidos
Atrizes Parecidas
filmes de lobisomem
melhores trilogias
filmes de natal
melhores filmes de 2010
coisas que detesto nos dvds
melhores filmes da década de 00
filmes de vampiro

melhores diabos
cenas de sexo esquisitas

ficção cientifica ou não ficção científica

filmes de vingança

marcos nos efeitos especiais
filmes estrangeiros que fazem referência ao Brasil

personagens que morreram e voltaram

filmes de macho
filmes de máfia
visual deslumbrante

Anúncios

3 pensamentos sobre “Top 10: Os Favoritos do Heu!

  1. […] viu a minha foto no Top 10: Favoritos do Heu, viu que gosto de teclados. Aproveitei e resgatei esta foto aí em cima, que estava no meu orkut […]

  2. […] ao Brasil personagens que morreram e voltaram filmes de macho filmes de máfia visual deslumbrante favoritos do heu filmes de humor negro mulheres duronas filmes com viagem no tempo melhores lutas longas melhores […]

  3. […] ao Brasil personagens que morreram e voltaram filmes de macho filmes de máfia visual deslumbrante favoritos do heu Like this:LikeBe the first to like this post. Comentários […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: