Transformers 3: O Lado Oculto da Lua

Crítica – Transformers 3: O Lado Oculto da Lua

Confesso que não sou fã da franquia Transformers – aliás, nunca achei graça no brinquedo, nem no desenho animado. Mas a crítica falou que este era melhor que o segundo, aí resolvi dar uma chance.

Neste terceiro filme, os Autobots descobrem que existe uma nave de Cybertron no lado escuro da Lua, e precisam pegar antes dos Decepticons.

Não há muito o que se falar aqui. Transformers 3 é tudo o que se espera de um filme dirigido pelo Michael Bay sobre carros-robôs: muita ação e pouco cérebro. E o resultado final fica devendo, assim como nos dois primeiros filmes…

Talvez o filme não fosse tão ruim se se preocupasse com alguns “pequenos” detalhes, como a duração – ninguém merece duas horas e quarenta minutos de uma história fraca.

Aliás, acho que a “história fraca” é pior que a “duração excessiva”. O roteiro tem tantas inconsistências que se heu fosse listar, não acabava hoje. Por exemplo: como é que um cara recém formado, cheio de contatos, que acabou de ganhar uma medalha do presidente, está desempregado?

Mas tem mais, muito mais. Toda a sequência onde Shia Labeouf conhece Frances McDormand no galpão é patética. Se a Frances McDormand fosse tão poderosa, o casal seria preso imediatamente. E aquele diálogo entre ela e o Sentinel Prime é completamente sem sentido.

Pra piorar, o filme é repleto de personagens secundários com alívios comicos sem graça: os dois robôzinhos, o John Turturro, o Ken Jeong (Se Beber Não Case)…

Mesmo assim, nem tudo se joga fora. Os efeitos especiais são de primeira linha. Algumas sequências são boas – gostei da parte do prédio “caindo”. Gostei também do esquema meio Forest Gump pra mostrar presidentes antigos no início do filme.

Sobre o elenco, o nome de Steven Spielberg na produção ajuda a trazer bons nomes para os papeis secundários – além dos já citados Turturro, McDormand, LaBeouf e Jeong, o filme ainda tem John Malkovich, Patrick Dempsey, Josh Duhamel e as vozes de Hugo Weaving e Leonard Nimoy em robôs. E ainda tem Rosie Huntington-Whiteley como a “bonitinha da vez” – como Megan Fox brigou com a produção, tinham que arranjar outra pra vaga dela. Rosie é tão bonita quanto, e tem um defeito parecido: lábios grossos demais – na minha humilde opinião, é muito beiço, não?

Pra finalizar, preciso dizer que não entendi o nome original: “The Dark of The Moon” – que bom que não traduziram ao pé da letra, “O Escuro da Lua”…

Anúncios

11 pensamentos sobre “Transformers 3: O Lado Oculto da Lua

  1. CAMILINHA! 6 julho, 2011 às 8:13 pm Reply

    eu também não gosto dos transformers e nem assisto aqueles desenhos deles acho muito chato e sem graça.

  2. Edu Starling 12 julho, 2011 às 11:13 am Reply

    Concordo totalmente com o fato de que o filme “demorou demais”. Acho que a história é a melhor das 3, mas mais uma vez contada de forma pueril e sem dar atenção necessária aos diálogos. Por mais que eu tenha gostado bastante desse filme (o melhor dos 3, na minha opinião), se vc olhar friamente é um imenso videoclipe onde os diálogos são mero detalhe. Mas como já fui ao cinema esperando isso, me diverti pacas

    Ps: eu curto os lábios exagerados da Megan Fox e da Rosie Huntington-Whiteley 🙂

  3. Cabral 17 julho, 2011 às 10:34 pm Reply

    É impressionante como ser critico ou fazer crítica é fácil… mas vamos a algumas críticas as suas críticas: O filme não tem duas horas e quarenta e sim duas e vinte, algo muito normal e comum nas produções de hoje, sobre o desemprego de Sam não sei se você precebeu, mas ele queria levar uma vida normal esquecer o passado… ele desrespeitou a mocréia por ser ele quem descobriu os Autobots e saber de tudo, ele não é um João Ninguém… os personagens secundários ajudam a costurar a história e em alguns momentos servem de contra-ponto… O filme é muito bom, seus efeitos especiais dão um show e não é atoa que vem faturando milhões… eu assisti e gostei… ahh e um crítico que não gosta de mulher bonita vai com certeza preferir o King Kong…

  4. Alan 22 julho, 2011 às 11:06 am Reply

    Ótima crítica, Heu! Poderiam ter tirado 50 minutos de cenas inúteis e patéticas. A do japonês me deu vontade de sair do cinema. Não tem estória, não tem diálogo, e nem é tão engraçado. Sua definição é ótima: muita ação, pouco cérebro. Mas realmente, algumas cenas do Optimus Prime e do Bumblebee são bem legais. Eu só senti minha inteligência ofendida, mas deu pra divertir. Ahh, e nem curti a loira, puta mulher MAGRELA! hahaha. Abraço, Heu!

  5. O Casamento do Meu Ex « Blog do Heu 31 julho, 2011 às 12:22 pm Reply

    […] – as outras duas pontas são Anna Paquin (X-Men, seriado True Blood) e Josh Duhamel (Transformers, seriado Las Vegas). Além destes, o elenco conta com Malin Akerman (Watchmen), Elijah Wood (O […]

  6. Blog do Heu » Batida Policial 20 outubro, 2011 às 8:41 pm Reply

    […] coisa: a câmera não é tremida como nos Transformers da vida. Vemos tudo claramente, as coreografias das lutas devem ter dado um trabalhão pra fazer. […]

  7. katia beatriz 29 outubro, 2011 às 6:51 pm Reply

    transformers é um dos melhores filmes de açao e aventura que ja foi feito e sem transformers o mundo nao sseria o mesmo se voces nao gostam nao posso fazer nada……. mas que é uma saga de grandes filmes é

  8. vinicius dutra 29 outubro, 2011 às 7:03 pm Reply

    aaii galera vamos admitir que foi um grande filme teve la seus deslizes,mas qual filme nao tem?michael bay (nao sei se é assim q se escreve)fez um grande filme….. como disseram nao é atoa que faturaram milhoes com este filme

  9. Gigantes de Aço « Blog do Heu 7 janeiro, 2012 às 4:30 pm Reply

    […] você gostou de Gigantes de Aço, o Blog do Heu recomenda: Transformers 3 Super 8 GI Joe – A Origem do Cobra Share this:CompartilharFacebookTwitterGostar […]

  10. […] coisa: a câmera não é tremida como nos Transformers da vida. Vemos tudo claramente, as coreografias das lutas devem ter dado um trabalhão pra fazer. […]

  11. […] coisa: a câmera não é tremida como nos Transformers da vida. Vemos tudo claramente, as coreografias das lutas devem ter dado um trabalhão pra fazer. […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: