[REC]

[REC]

Em abril deste ano vi um dos melhores filmes de terror da minha vida. Um filme desconhecido, espanhol. Na época, só estava disponível pela internet.

Quando soube que ia passar no Festival, pensei: “opa, boa oportunidade de ver esse filme numa tela grande!” E fui pro cinema, mesmo já tendo visto o filme duas vezes antes na tv. Afinal, todos sabemos que a sensação de ver um filme na sala escura e na tela grande é muito melhor.

Vou copiar parte do texto que escrevi aqui mesmo em 8 de abril:

Sabe aquela idéia de câmera na mão e não atores na tela? Depois de reality shows na tv, inventaram o “reality cinema”. O primeiro que conheço é do início dos anos 90, um filme belga chamado Aconteceu Perto de Sua Casa, que mostra uma equipe filmando um assassino profissional. Anos depois Hollywood copiou a idéia e fez A Bruxa de Blair, e ainda tentou vender a história como se fosse verdade! E agora, esse ano, estreou o médio Cloverfield, que leva a idéia pro filme catástrofe; além de Diário dos Mortos, ótimo filme de zumbis do mestre George Romero.

Bem, como o mestre Tarantino nos ensinou, uma boa idéia pode ser reaproveitada, desde que haja talento por trás das câmeras. E acredito que dessa vez os diretores Jaume Balagueró e Paco Plaza se superaram. Um bom filme de terror espanhol já não é novidade há tempos, vide o recente excelente O Orfanato, dentre outros.

(Aliás, esse nome Jaume Balagueró não é desconhecido por aqui, ele dirigiu A Sétima Vítima, com Anna Paquin, que, apesar de parecer Hollywoodiano, é espanhol.)

Angela é uma repórter de tv, de um programa noturno, que vai acompanhar a noite de uma equipe de bombeiros. Junto com o câmera e dois bombeiros, vão até um pequeno prédio ver uma emergência – e são trancados lá dentro, junto com dois policiais e alguns moradores.

Os personagens não sabem o que está acontecendo, e nós também não. Vamos descobrindo aos poucos, e, pela câmera de tv, nem sempre conseguimos ver tudo.

Medo. Há muito tempo heu não sentia medo depois de ver um filme. A situação vivida pelos personagens é claustrofóbica e desesperadora, há um perigo ali do lado, e ninguém sabe o que é. E Angela e seu câmera, imbuídos de espírito jornalístico, filmam tudo, pra poder denunciar depois o que está acontecendo.

Recomendo fortemente! Principalmente porque já sei que a refilmagem americana, Quarantine, já está pronta…

Anúncios

Marcado:, , ,

8 pensamentos sobre “[REC]

  1. Juliana 6 janeiro, 2010 às 12:32 pm Reply

    Também senti muitissimo medo, o melhor filme de terror que já assisti, eu primeiro vi como foi feito e depois me deu curiosidade de saber como era o desenrolar da história. Achei muito criativo e dinamico, tem filmes de terror que só possuem poucos momentos de terror, mas esse é fantástico, a sensação e de estar dentro do filme interagindo com ele.
    P.S.: Aquela menina me assusta, a maquiagem foi muito bem feita.

  2. Spanish Movie « Blog do Heu 24 abril, 2010 às 7:31 pm Reply

    […] Almenábar (Abra Los Ojos), Juan Antonio Bayona (O Orfanato), Jaume Balagueró e Paco Plaza (REC)… Bem, já que essa galera está no filme, isso já é motivo para ver “qual […]

  3. Quarentena 2 – Terminal « Blog do Heu 30 julho, 2011 às 1:43 pm Reply

    […] você gostou de Quarentena 2 – Terminal, o Blog do Heu recomenda: REC Resident Evil – Recomeço Planeta Terror Deixe um comentário LikeBe the first to like […]

  4. Blog do Heu » Quarentena 2 – Terminal 31 julho, 2011 às 4:40 am Reply

    […] você gostou de Quarentena 2 – Terminal, o Blog do Heu recomenda: REC Resident Evil – Recomeço Planeta […]

  5. Attack The Block « Blog do Heu 15 setembro, 2011 às 7:08 pm Reply

    […] você gostou de Attack The Block, o Blog do Heu recomenda: Super 8 Paul REC Like this:LikeBe the first to like this post. Deixe um […]

  6. Poder sem Limites « Blog do Heu 6 março, 2012 às 10:49 pm Reply

    […] você gostou de Poder sem Limites, o Blog do Heu recomenda: REC A Mulher de Preto X-Men Primeira Classe Share this:CompartilharFacebookTwitterGostar […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: